Marketing de Saúde: 5 maneiras de vencer a concorrência

Marketing-de-saúde_-300x150

Os planos de marketing de saúde e publicidade para os médicos e outros profissionais de saúde continuam a evoluir. Dentro deles, novas variáveis ​​são incorporadas todos os dias.

As organizações e profissionais que querem avançar com sucesso contra a concorrência devem ser mentalizados a partir de uma série de premissas:

Conceba estratégias e táticas proativas para ver seu negócio crescer.

Reconhecer “mudança” como um fator constante no plano de marketing de saúde.

Saia dos padrões de negócios da velha escola.

Conselhos e técnicas fundamentais para avançar na competição usando marketing de saúde.

O paciente de ontem é agora um consumidor de saúde informado e capacitado. O paciente vai à consulta já informado sobre sua doença e tem o poder de propagação rápida e duradoura de sua opinião em mídia digital.

O que podemos fazer para nos adaptarmos a essa nova realidade? Como podemos usar o marketing de saúde a nosso favor?

Use marketing de saúde para oferecer-lhe diferente (e melhor que) da concorrência. 

Estude o que a concorrência faz e ofereça algo mais. Mas… E se eu achar que realmente ofereço o mesmo? Então dê um passo adiante.

Seja mais íntimo, destaque mais os benefícios de seu produto ou serviço, e não tanto as características dele.

Estas são duas coisas muito diferentes. O que eu ofereço pode ter algumas características, mas o cliente quer saber quais os benefícios que você trará, e é por isso que ele vai pagar.

Não vai pagar por ser você, nem pelo produto ou serviço que você oferece. O que lhe interessa é o benefício para ele de escolher você.

1.   Conheça seu potencial paciente online 

Normalmente, a jornada do paciente de hoje começa on-line. A Internet é o principal canal de pesquisa médica e de saúde da maioria dos pacientes. Os consumidores investigam ativamente sintomas, condições médicas e opções de tratamento.

Mais de 75% dos consumidores pesquisam on-line informações sobre cuidados de saúde. E quase metade procura médicos / provedores.

Se você fez uma pesquisa entre seus pacientes e clientes, provavelmente não ficaria surpreso em saber quantos pesquisaram informações sobre sua doença e seus tratamentos, mas você pode se surpreender ao saber quantos procuraram informações sobre você e a concorrência.

2.   O marketing digital da saúde é fundamental. 

Em muitos setores, os canais digitais lideram a prospecção de produtos e serviços. O consumidor de cuidados de saúde é um líder neste momento. Três quartos dos pacientes usam mecanismos de pesquisa antes de marcar uma consulta com um médico que não visitaram antes.

Um plano de marketing de saúde integrado que ofereça uma forte presença na Internet incluirá:

  • desenvolvimento de um website focado em conversões;
  • publicidade online;
  • gestão da reputação médica on-line;
  • otimização de mecanismos de busca (SEO);
  • marketing de mídia social.

3.   Faça um design adaptado para dispositivos móveis (responsivo) que priorize pesquisas locais. 

O campo de batalha mais competitivo e mais intenso não está longe. As pessoas usam seu smartphone ou dispositivo móvel para respostas imediatas (quase em tempo real).

Os sites devem detectar instantaneamente o tipo de dispositivo. Além disso, as pessoas querem encontrar respostas para suas necessidades geograficamente próximas e convenientes.

4.   Constantemente ofereça uma experiência excepcional ao paciente. 

Claro, as pessoas querem um resultado clínico positivo. Em sua opinião, é isso que os prestadores de serviços de saúde fazem. Mas é a experiência e a satisfação do paciente que torna seus serviços “extraordinários” e transformam o paciente em um prescritor de seu serviço.

Isso inspira as qualificações, referências e recomendações positivas dos médicos e a repetição de visitas futuras. O que é “extraordinário” é o que faz as pessoas se sentirem especiais e o que as faz querer compartilhar proativamente com os outros.

Isso também pode ser uma ferramenta para usar no marketing de saúde.

5.   Sinta-se livre para quebrar moldes convencionais.

O que você faria se a página estivesse em branco e você pudesse reinventar a provisão de seus serviços de saúde do ponto de vista do paciente?

Os provedores de serviços e produtos no setor da saúde que conseguem romper as barreiras tradicionais do atendimento ao paciente emergem como líderes.

Consultas on-line, aplicativos de atendimento ao paciente, serviços em tempo real, redes sociais…

Há um mundo inteiro a serviço do marketing de saúde para ser mais visível, melhorar a percepção do paciente e nos diferenciar.

Vencer a competição é sucesso em todos os encontros com o paciente.

Essas foram as principais dicas para você elaborar a sua estratégia de marketing e começar a divulgar a sua clínica e seus serviços. Lembre-se que o objetivo é fornecer informações às pessoas e atraí-las ao seu consultório por causa da excelência do seu trabalho e do atendimento. Você não deve divulgar serviços que não realiza nem prometer curas que não consegue alcançar.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o assunto, que tal colocar no papel suas metas e objetivos para pensar em iniciar um plano de Marketing? Precisa de ajuda? Fale comigo! Ligue agora para (31)99798.2208

Deixe um comentário